Não conto

Você diz que tudo que escrevo é pra você.
Pode até ser.
Mas não conto.

Você acha que te amo e te faço canções.
Tente me fazer falar.
Que não conto.

Não conto porque tenho medo de você rir na minha cara.
Não conto porque o desejo traz verdades que são falsas.

Você diz que o meu canto é de dor, e minha rima desilusão.
Você se acha. Você se vende. Mas não sente o que sinto por você.

Então prefiro esconder, já que esquecer... não dá.