Atalhos

Queria que você viesse em meus sonhos e regasse minha fé no nosso encontro. Queria que você viesse e dissesse: calma. Sigo aqui sonhando nosso amor e chorando a saudade em cada canção. Eu só queria a certeza para que a espera não passasse tão sofrida. Eu só queria olhar nos teus olhos e ver que, sim, você existe e me aguarda em algum lugar do caminho. Meu coração diz que todo o meu desejo é verdade, mas a razão machucada prefere não acreditar em contos de fadas. E eu sigo dedilhando as cordas do destino, tentando descobrir um atalho que me leve mais rápido a nós dois. Venha nos meus sonhos, nem que seja apenas para dizer um oi.